segunda-feira, 9 de abril de 2018

INSTITUTO CERVANTES, REAL GABINETE PORTUGUÊS DE LEITURA E ACADEMIA CARIOCA DE LETRAS CONVIDAM PARA A MESA-REDONDA "A POESIA NECESSÁRIA: FEDERICO GARCÍA LORCA, FERNANDO PESSOA E CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE".

 
 

 
 
 
 
 
 
Três visões de três grandes poetas do século XX: Drummond, Pessoa e Lorca. Estes três poetas não se conheceram pessoalmente. Eles foram como três faróis iluminando um momento controverso e difícil, mas tinham a clareza no olhar e vislumbraram um futuro mítico-poético de seu tempo e seus respectivos países: Brasil, Portugal e Espanha. Drummond era controverso e cotidiano, surreal e popular. Quando conheceu o trabalho de Lorca, ele já havia sido assassinado. E Fernando Pessoa, depois de se espalhar por seus heterônimos, permanece único e exorbitante. Seguir o caminho desses três poetas é também acompanhar a encruzilhada da poesia que é, mais do que nunca, necessária.

Os três participantes que nos guiarão através da poesia da tríade:

Cláudio Murilo Leal, poeta e professor, presidente da Academia Carioca de Letras. Ex-diretor do Colegio Mayor Universitario Casa do Brasil, em Madrid. Autor de Caderno de Proust, Prêmio de Poesia do Instituto Nacional do Livro.

Gilda Santos: Professora de Literatura Portuguesa da UFRJ (aposentada), Vice-Presidente do Real Gabinete Português de Leitura, à frente do Centro de Estudos e do Polo de Pesquisas Luso-Brasileiras. Organizadora de várias publicações e de inúmeros encontros científicos.

Antonio Maura é diretor do Instituto Cervantes no Rio de Janeiro. Entre 2005 e 2009 foi diretor da Cadeira de Estudos Brasileiros na Universidade Complutense de Madri. Membro correspondente da Academia Brasileira de Letras desde 2011.
 
 

Data: 12/04/2018 das 18h30min às 20h30min.
Local: Instituto Cervantes
(Rua Visconde de Ouro Preto, 62, Botafogo,
RIO de Janeiro)
ENTRADA LIVRE
 
 
 
 
 
 
APOIO NA DIVULGAÇÃO
 
 
 
 
 
 
 
 

Nenhum comentário: