sábado, 2 de setembro de 2017

CONVITE PARA SOLENIDADE DE POSSE DO ACADÊMICO JUBER ALVES BAESSO, NA ACADEMIA NITEROIENSE DE LETRAS.

(clicar na imagem para ampliá-la)
 
 
 
 
CONVITE
 
A Diretoria da ANL convida para a Sessão solene de posse do Acadêmico Juber Alves Baesso, que ocupará a Cadeira nº 9, patronímica de Lúcio de Mendonça e antecessores Brígido Fernandes Tinoco e Aloysio Tavares Picanço.  A saudação será feita pela Acadêmica Leda Mendes Jorge.
 
Márcia Maria de Jesus Pessanha
Presidente
 
Local: Sociedade Fluminense de Fotografia
Endereço: Rua Dr. Celestino, 115, Centro
Cidade: Niterói – RJ – Brasil
Data: 06 de setembro de 2017, (quarta-feira)
Horário: 16 horas
 
 
 
 
 
 
UM POUCO SOBRE JUBER ALVES BAESSO
 
 
O escritor Juber Alves Baesso é filho de José Honório Baesso e Maria Araújo Baesso, nasceu no dia 16 de junho de 1940, na Fazenda Palmital, em Santana de Cataguases, Zona da Mata do Estado de Minas Gerais, Brasil.
Além de escritor e advogado, é exímio declamador, pois ao longo do tempo, recitou inúmeros poemas em diversas entidades culturais, especialmente, no Centro Cultural Maria Sabina, coordenado por Neide Barros Rêgo. Inclusive, publicará brevemente, a obra memorialista sobre o Centro Cultural Maria Sabina, importante instituição cultural, que há 56 anos está inserida no coração da tradição niteroiense.
Juber Alves Baesso também é membro cofundador do GARINPO (Grupo de Arte Resistência e Informações Poéticas); Cenáculo Fluminense de História e Letras; Associação Niteroiense de Escritores - ANE, nesta entidade, atua como orador oficial.
É um dos sete fundadores da Loja Maçônica Luz do Universo, em 23 de janeiro de 1977, no dia 28/1/2012, foi homenageado, durante a comemoração do 35º aniversário da instituição sediada em Santa Cruz, Rio de Janeiro.
O autor, em 20 de junho de 2016 lançou o livro: Livraria Ideal: história de um ponto de encontro dos intelectuais de Niterói, na Câmara de Vereadores de Niterói, a obra ressalta a importância da livraria Ideal para a cultura da cidade, destacando a importância da família Mônaco que há mais de 70 anos vem incentivando a cultura de nossa metrópole.
O livro que envolve também as 29 personalidades do meio intelectual de Niterói, que foram agraciadas com o título INTELECTUAL DO ANO, evento realizado, durante vários anos, pelo livreiro Carlos Silvestre Mônaco.
O lançamento do livro de Juber Baesso reuniu diversos intelectuais de Niterói e o autor ainda foi homenageado com uma Moção de Aplausos entregue pelo vereador Bruno Lessa (PSDB).
A primeira vez que a família foculista, presenciou o declamador Juber Baesso, nos palcos da vida, declamava a poesia Fazenda da Saudade do escritor e magistrado Edmo Rodrigues de Lutterbach.
 
 
 
 
APOIO NA DIVULGAÇÃO
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Nenhum comentário: